7 PECADOS CAPITAIS (SOBERBA) - RISOTO DE CHAMPAGNE COM MORANGOS

Veja a Receita vencedora do Concurso MESTRE CUQUINHA SET 2013 do Receitas sem fronteiras cujo tema foi MORANGOS... É uma receita diferente e realmente SOBERBA em combinação de sabores e texturas...

CAMARÕES EMPANADOS EM COCO COM MOLHO DE MANJERICÃO

Hoje como dito ontem... trouxe uma receita de Camarões Empanados no Coco com Molho de Manjericão Picante... Aqui só existe um ingrediente que vale a pena falar bem... Seria o Camarão Cinza!!

SHAKE SASHIMI (SASHIMI DE SALMÃO)

Olá meus amigos visitantes!! Hoje estou postando uma pequena receita... Muito simples... O Sashimi de Salmão (??? - ShakeSashiMi)... mas como devem ter observado... eu não fiz a apresentação de forma tradicional... Espero que tenha gostado da idéia e também do vídeo mostrando como se monta esta apresentação!! lol

CARNE SUÍNA AO MOLHO DE MEL PICANTE

Uma receita de carne suína com um toque oriental... Carne de porco ao molho de Mel Picante, tem um toque doce, levemente azedo e picante ao gosto! Excelente companhia para um dia com os amigos e umas cervejinhas bem geladas!! hehehe

PIZZA DE BOLACHA

Só aproveitando o restinho do molho de tomate e dos frios.... hehe Receita rápida e serve muito bem como um tiragosto ou até mesmo petisco... Vale a pena experimentar!! rs

SALMÃO NA MANTEIGA D'ALHO COM ALECRIM

Finalmente a receita do Salmão na Manteiga d'Alho com Alecrim divulgada há um tempo atrás na minha page do Facebook (MaxGastronomy)!! Mmmmm...

BAURU TRADICIONAL

O bauru é um sanduíche inventado por Casimiro Pinto Neto, apelidado "Bauru" em referência à sua cidade natal, no restaurante Ponto Chic do Largo do Paiçandu, em 1934. O sanduíche logo se tornou popular e foi batizado com a alcunha de seu criador.

PÃO/TORRADA DE ALHO - GARLIC TOAST

Olá meus amigos!! O que seria de um churrasco sem as famosas e deliciosas torradinhas ou pães de alho? Pois é né!! Um churrasco que se prese, pode não ter carne de primeira, mas o pãozinho de alho não pode faltar!! Hehe

COSTELETAS DE PORCO AO MOLHO DE GENGIBRE

Uma receita minha que tento fazer sempre que algum amigo ou amiga aparecem aqui (e que não esteja fazendo regime... hehe) É uma receita de Costeleta com um molho adocicado e levemente picante!! Uma delícia!!

MAÇA DO AMOR

Como prometido para adoçar os lábios doces dos enamorados e dar uma entrada no mês de junho!! A Receita de Maça do Amor!! rsrsrs

Sabor e Gosto (Melancia de Verão)



Bom, meus amigos... Resolvi fazer posts bem diferentes... Assim como vocês, estou sempre buscando aplicar os conhecimentos e fazer testes para se chegar a um bom prato! hehe

E uma das coisas com que eu me deparei foi: O que faz um prato ser delicioso?

Já provei inúmeros pratos que tinham uma aparência ótima, mas quando se provava, eram horríveis e, doutras vezes, eu via uma gororoba nojenta, mas que eram saborosíssimas .. Tenho certeza que todos já passaram por isso, não uma ou duas vezes, poderia apostar que no mínimo uma dezenas de vezes!! rsrs

Buscando essa resposta, eu fui procurar sobre o que define um SABOR e GOSTO. Antes eu achava que o sabor e gosto eram a mesma coisa, mas na verdade são bem diferentes. O sabor é uma sensação formada 80% pelo olfato (cheiro) e 20% pelo paladar (gosto, papilas gustativas), desta forma, o gosto é apenas uma reação fisiológica sentida por nossa língua, incluindo a sensação de textura.

Falando sobre Sabor, em 1916, Hans Henning propôs o Tetraedro do sabor composto por 4 (quatro) sabores pirmários:  Ácido/Azedo, Amargo, Doce e Salgado. Cada um destes era capitado/entendido por áreas específicas de nossa língua e a mistura dos mesmos formariam todos os outros sabores que conhecemos. Porém, em 1985, foi oficialmente reconhecido (apesar de ser descoberto por Kikunae Ikeda em 1908) o sabor Umami, e em 2005, foram pedidos para serem reconhecidos o sabor Adiposo, o Metálico, o Picante e Adstringente. Em suma, oficialmente temos 5 (cinco) sabores - Ácido/Azedo, Amargo, Doce, Salgado e Umami, mas temos 9 (nove) sabores conhecidos, onde se incluem as demais - Adiposo, Adstringente, Metálico e Picante.

E para exemplificar cada sabor, tenho esse quadro abaixo:
Ácido/Azedo - Vinagre, frutas cítricas, etc
Adiposo - Azeite, óleos, gorduras, etc
Adstringente - Banana verde, frutas não maduras, caqui, etc
Amargo - Jiló, castanhas duras, etc
Doce - Açúcar, mamão, etc
Metálico - Ferrugem, colheres, etc
Picante - Gengibre, Cebola, Pimentas, etc
Salgado - Sal, etc
Umami - Peixes, aspargo, cenoura, glutamato monossódico, etc

Tá bom, mas até aí entendi tudo, mas cá entre nós, só vinagre não é gostoso ou saboroso, nem mesmo só açúcar é bom... hehehe

E afinal, o que faz um prato ficar saboroso? Bom, existe uma teoria maluca de que se misturarmos pelo menos 3 (três) desse sabores qualquer prato pode ficar saboroso!! Então, me fiz essa mesma pergunta... tudo que eu acho saboroso tem no mínimo 3 (três) desses sabores?? Pois é!! Pasmem... mas não encontrei nenhum que não tivesse! hehehe

Quem nunca comeu uma costeleta de porco com um pouquinho de limão? Esse toque azedo faz o prato ficar maravilhoso! Ou aquela saladinha básica de alface, tomate e cebola que fica perfeita só com vinagre e sal? Agora imaginem se faltasse algum desses sabores extras? O que seria do suco de laranja, beterraba e cenoura... sem um deles? Seria a mesma coisa? Teria o mesmo sabor, textura, cheiro e fresco? ... Acho que não!! rsrs

E para não desanimar, vou começar uma pequena gincana de receitas que consigam ser simples, saborosas e que tenham essa estrutura de no mínimo 3 (três) sabores... Começando por uma receita, na verdade, uma dica que adoro comer nesse verão escaldante!! Espero que gostem!

### INGREDIENTES
  • 1 (um) quilo de Melancia bem gelada e madura
  • Sal

### MODO DE PREPARO
a) Salpicar um pouco de sal sobre a melancia bem gelada.
b) Servir gelado.

Rendimento: Serve 4 porções

Bom... Espero que tenham gostado desta receita!! E esperem para outras receitas desvendando esse enigma dos sabores e gostos!! Um Abração.


.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...




Tiragosto Picante de Verão



Olá meus amigos!! Fiquei muito feliz de ver que o MaxGastronomy alcançou mais de 60000 acessos!! Uhuuu! Muito Obrigado a todos que ajudaram de alguma forma, visitando, compartilhando, comentando, criticando e tudo mais!!

E como uma pequena forma de agradecimento, estou postando uma receita excelente para acompanhar aquela bebidinha geladíssima na praia... Espero que gostem!

### INGREDIENTES
  • 1 (uma) Cebola grande cortada em pedaços pequenos
  • 1 (uma) colher de sopa de Vinagre
  • 1 (uma) colher de sopa de Mel
  • 2 (duas) colheres de sobremesa de Pimenta Calabresa
  • 2 (duas) colheres de sopa de Shoyu
  • 5 (cinco) dentes de Alho picado
  • 100 (cem) gramas de Paio Defumado
  • 100 (cem) gramas de Linguiça Calabresa
  • 100 (cem) gramas de Mortadela
  • Água
  • Sal

### MODO DE PREPARO
a) Cortar a Linguiça Calabresa e o Paio em rodelas bem finas. E a mortadela em cubinhos. Reservar. OBS: Não misturar as carnes.
b) Em uma panela, refogar em fogo baixo com óleo o alho, a cebola e o mel.
c) Quando a cebola estiver douradinha, aumentar o fogo e acrescentar o Paio e refogar por uns 5 minutos.
d) Adicionar a Linguiça e a mortadela. Deixar refogando por mais 5 minutos. E adicionar 10 colheres de sopa de água, o shoyu e o vinagre, misturar e tampar a panela. Deixar por mais 5 minutos em fogo baixo.
e) Acrescentar a pimenta calabresa e misturar bem. Ajustar o sal a gosto.
f) Servir logo em seguida.

Rendimento : Serve 3 porções.

Espero que tenham gostado e aproveitem o calorzinho do sol para apreciar esse tiragosto rápido e delicioso!! rsrs Um Abração a todos.


.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...




Almejas Cremosas Picantes.


Olá Pessoal!! Novamente estou de volta... E hoje estou postando uma receita de Snack com Almejoas... Espero que apreciem esta receita rápida e deliciosa!! E vamos para a receita...

#### INGREDIENTES
1) MOLHO
  • 1 (um) Limao Siciliano
  • 1 (um) maço de Salsa
  • 4 (quatro) colheres de sobremesa de Molho de Pimenta
  • 10 (dez) colheres de sopa de Maionese
  • Sal

2) MONTAGEM
  • 1 (um) Tomate Grande Maduro
  • 1 (um) maço de Alface
  • 1 (um) pacote de Bolacha Agua e Sal
  • 100 (cem) gramas Almejas frescas
  • Pimenta Branca moída.


### MODO DE PREPARO
1) MOLHO
a) Misturar o molho de pimenta, a maionese e o suco do limão.
b) Picar a salsa e homogeneizar. Ajustar o Sal a gosto. Reservar.

2) MONTAGEM
a) Fatiar o tomate.
b) Montar sobre uma bolacha, uma fatia de tomate, pedaços de alface, molho e uma almejoa.
c) Salpicar um pouco de pimenta branca moída.
d) Servir logo em seguida

Rendimento : Faz aproximadamente 10 unidades.

Bom, espero que tenham gostado desta receita rápida, prática e muito saborosa para um encontro de amigos ou mesmo uma entrada de um jantar ou festinha!! hehehe


.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...




Flan vs Pudim (Flan de Cereja em Calda)



Olá meus caros leitores!! Primeiramente, gostaria de deseja um Feliz Ano Novo a todos e que este ano seja repleto de muitas realizações, muitas vitórias, muitos amigos e tudo de bom!! E nada melhor que começar o ano de 2013 com um pequena "intriga" entre o Flan e Pudim... Afinal, o que é Flan e o que é Pudim!? hehehe

Fatia de Pudim de Leite
Pois é!! Essa estória de Flan ou Pudim, ou Pudim Flan, ou Flan Pudim é bem complicado mesmo... Nem mesmo os grandes chefs chegam a uma conclusão exata!! Mas eu reuni neste tópico tudo que eu descobri sobre essa intriga, e ela começou assim...

Tudo que é polêmico começa em Roma ou na Grécia, e não foi diferente disso que aconteceu com o Flan, tudo começou com uma confusão acidental entre eles. Foi na época que os Romanos começaram a domesticar as galinhas e começar a coletar seus ovos em seus quintais, bom até aí tudo normal, os romanos começaram a fazer seus ovos mexidos, cozidos, fritos... 

Os romanos sabiam fazer tudo com ovos, todos os pratos sofisticados da época tinham ovos em suas receitas.

Mas só por volta do século 10 a 11 antes de Cristo que a mistura cultural de imigrantes gregos em Roma causou um mudança no paladar dos romanos e,  consequentemente, de sua gastronomia. Os romanos começaram a comer mais doces suaves e cremosos.

Flan (Crème Caramel)
E em um certo dia, começaram a fazer bolos doces (pois até então, os bolos eram salgados, uma espécie de pão) e como sempre, um dia o bolo sola ou por causa daquele jeitinho "esperto" se tentou fazer um bolo sem trigo, fazer o quê né? Se eu quero comer pão, mas acabou o trigo, ora bolas porque não fazer sem trigo? hahaha Resultado, um bolo pequeno mole solado, cremoso e doce...

Capa do Livro de Receitas Romanas - Apicius
Voilá! O Flan! Porém, somente no século 4 a 5 antes de Cristo que esta receita foi publicada no Livro de Receitas Romana chamada Apicius, onde era citado como Flado ("bolo solado", "bolo chato") e era feito com mel em vez de calda de açúcar... Mesmo com a decadência do Império Romano, a receita do Flado sobreviveu às diversas invasões Bárbaras... E foram o franceses que tornaram o Flan como é hoje conhecido. (Alías o termo Flan veio do francês antigo "Flaon" e hoje é o chamado Crème Caramel do franceses) e servido em pequenas porções.

E foram os espanhóis em suas colonizações (México e América Central) que criaram o Flan feito com calda de açúcar queimado (caramelo) e aromatizado com baunilha. Por isso, muitos chefs consideram o Flan uma sobremesa clássica da gastronomia de origem espanhola... E após algum tempo, em Portugal, que o Flan ficou maior em tamanho e o termo Pudim surgiu.

Porém, atualmente o Flan e o Pudim não são diferenciados pelo tamanho, e sim por sua consistência. O Flan é mais sólido que o Pudim, mesmo os dois sendo bem cremosos. Existem milhares de definições para eles, zilhões de receitas e um universo de formatos!

Bom, espero que tenham gostado deste resumo das descobertas que fiz sobre esse duelo de Titãs: Flan vs Pudim... E após isso, eu considero que um Flan seria um pudim mais consistente e servido em pequenas porções, e o Pudim um Flan mais suave servido em grandes porções!! Afinal, seja ele Flan ou Pudim são deliciosos!! hehehehe

### INGREDIENTES
  • 1 (uma) Lata de Leite Condensado
  • 1 (uma) Lata de Creme de Leite com Soro
  • 1 (uma) Lata de Leite Integral (usar a mesma lata do Leite Condensado)
  • 1 (um) Envelope de Gelatina sem sabor
  • 10 (dez) colheres de sopa de calda da cereja
  • 30 (trinta) unidades de Cereja em Calda (100 gramas)

### MODO DE PREPARO
1) Preparo da Gelatina sem Sabor
a) Em uma xícara, colocar 50 mL de água fria.
b) Colocar toda a gelatina e misturar até formar uma pasta.
c) Deixa hidratando por 10 minutos.
d) No microondas, deixar por 30 segundos ou até a gelatina se dissolver por completo.
e) Reservar.

2) Preparo do Flan
a) Picar as cerejas. Reservar.
b) Bater em um liquidificador os demais ingredientes (Leite condensado, creme de leite e calda de cereja) até obter uma massa homogênea.
c) Adicionar a gelatina hidratada como descrita no item 1. Bater mais ou pouco e adicionar as cerejas picadas, bater rapidamente.
d) Distribuir em formas ou copinhos e levar a geladeira para resfriar por 2h.
e) Servir gelado.

Rendimento : Serve 8 porções.

Bom... Espero que tenha gostado deste post sobre Flan vs Pudim e da receita de Flan de Cereja!! Tenham um excelente dia e um excelente Ano Novo!! Um Abração.


.


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...




e também por email

Digite seu email a seguir :

Biblioteca de Receitas