7 PECADOS CAPITAIS (SOBERBA) - RISOTO DE CHAMPAGNE COM MORANGOS

Veja a Receita vencedora do Concurso MESTRE CUQUINHA SET 2013 do Receitas sem fronteiras cujo tema foi MORANGOS... É uma receita diferente e realmente SOBERBA em combinação de sabores e texturas...

CAMARÕES EMPANADOS EM COCO COM MOLHO DE MANJERICÃO

Hoje como dito ontem... trouxe uma receita de Camarões Empanados no Coco com Molho de Manjericão Picante... Aqui só existe um ingrediente que vale a pena falar bem... Seria o Camarão Cinza!!

SHAKE SASHIMI (SASHIMI DE SALMÃO)

Olá meus amigos visitantes!! Hoje estou postando uma pequena receita... Muito simples... O Sashimi de Salmão (??? - ShakeSashiMi)... mas como devem ter observado... eu não fiz a apresentação de forma tradicional... Espero que tenha gostado da idéia e também do vídeo mostrando como se monta esta apresentação!! lol

CARNE SUÍNA AO MOLHO DE MEL PICANTE

Uma receita de carne suína com um toque oriental... Carne de porco ao molho de Mel Picante, tem um toque doce, levemente azedo e picante ao gosto! Excelente companhia para um dia com os amigos e umas cervejinhas bem geladas!! hehehe

PIZZA DE BOLACHA

Só aproveitando o restinho do molho de tomate e dos frios.... hehe Receita rápida e serve muito bem como um tiragosto ou até mesmo petisco... Vale a pena experimentar!! rs

SALMÃO NA MANTEIGA D'ALHO COM ALECRIM

Finalmente a receita do Salmão na Manteiga d'Alho com Alecrim divulgada há um tempo atrás na minha page do Facebook (MaxGastronomy)!! Mmmmm...

BAURU TRADICIONAL

O bauru é um sanduíche inventado por Casimiro Pinto Neto, apelidado "Bauru" em referência à sua cidade natal, no restaurante Ponto Chic do Largo do Paiçandu, em 1934. O sanduíche logo se tornou popular e foi batizado com a alcunha de seu criador.

PÃO/TORRADA DE ALHO - GARLIC TOAST

Olá meus amigos!! O que seria de um churrasco sem as famosas e deliciosas torradinhas ou pães de alho? Pois é né!! Um churrasco que se prese, pode não ter carne de primeira, mas o pãozinho de alho não pode faltar!! Hehe

COSTELETAS DE PORCO AO MOLHO DE GENGIBRE

Uma receita minha que tento fazer sempre que algum amigo ou amiga aparecem aqui (e que não esteja fazendo regime... hehe) É uma receita de Costeleta com um molho adocicado e levemente picante!! Uma delícia!!

MAÇA DO AMOR

Como prometido para adoçar os lábios doces dos enamorados e dar uma entrada no mês de junho!! A Receita de Maça do Amor!! rsrsrs

Hot Dog Clássico (Cachorro-Quente)


E continuando nas receitinhas rápidas e saborosas!! Venho com uma receita do dia a dia, da pressa, da correria e de uma reunião rápida com os amigos! O famoso, ordinário, espetacular e irresistível Cachorro-Quente ou Hot-Dog e, para os mais íntimos, só Doguinho!! hehehe

Existem milhares de receita para o Hot-dog... Mas há aquela receitinha básica que apesar de simples é deliciosa, porque hot-dog é bom demais!! hehe

Bom, o que é mais engraçado foi procurar a origem dessa receita... e o que encontrei no wikipedia foi que existem três teorias sobre o surgimento desse peculiar sanduíche:

1) A mais conhecida é a de um açougueiro de Frankfurt, na Alemanha. Em 1852, ele resolveu batizar as salsichas que fabricava com o nome de seu cachorro dachshund.

2) Um imigrante alemão, Charles Feltman, levou essa salsicha para os Estados Unidos em 1880. Lá, criou um sanduíche quente com pão, salsicha e molhos.

3) Em 1904, na cidade de Saint Louis, nos Estados Unidos, um vendedor de salsicha quente criou uma maneira dos seus fregueses não queimarem a mão. A quem comprasse suas salsichas, ele oferecia luva de algodão limpíssima. Só que os clientes se esqueciam de devolvê-las e ele acabava tendo prejuízo. Seu cunhado, que era padeiro, sugeriu que o salsicheiro pusesse as luvas de lado e começasse a usar pão.

E no Brasil, por volta de 1926, o empresário Francisco Serrador, que idealizou a famosa Cinelândia, no centro da cidade do Rio de Janeiro, lança o cachorro-quente em seus cinemas. A novidade inspirou Lamartine Babo e Ary Barroso, a criarem em 1928, a marchinha de carnaval "Cachorro-Quente".

" Comer
Cachorro quente lá no bar
Por certo a moda vai pegar
Por não ser vulgar...
Comer
Vai toda a gente ao "quarteirão"
Pois há lingüiça em profusão
Pra comer com pão...

Que bom lamber...
Trincar... Comer...
Um cachorrinho tentador
No "Quarteirão do Serrador"

Comer
É bem melhor do que beber,
Pois dá sustância e faz crescer
Todo e qualquer ser...

Comer
É verbo bom de conjugar
Quando queremos conquistar
Um "pirão" no bar..."
Compositor: Lamartine Babo E Ari Barroso

E a partir de 1945, depois da Segunda Guerra Mundial, quando o Brasil passou a sofrer grande influência da cultura americana, o cachorro-quente conquistou definitivamente espaço nesse país.

Bom... Então, vamos a receita... Porque já estou ficando com a maior fome! rs


Tempo de Preparação
Tempo de Cozimento
Tempo Total
Dificuldade (0~10)
Rendimento & Custo
10 min
30 min
40 min
1
6 porções
$
Cachorro-Quente (Hot-Dog) Clássico
INGREDIENTES
6 unidades de Salsicha de Hot-Dog
6 unidades de Pão de Hot-Dog
6 dentes de Alho
1 unidade de Cebola
1 lata de Molho de Tomate
1 unidade de Pimentão Verde
Sal
Pimenta do Reino em pó
Óleo de Soja
Água
MODO DE PREPARO
a) Em uma panela, picar a cebola e o alho. E refogar com um pouco de óleo de soja.
b) Cortar o pimentão em rodelas e adicionar. Deixar cozinhar por 3 minutos.
c) Adicionar o molho de tomate, um copo de água (300 mL), sal e pimenta a gosto.
d) Adicionar as salsichas e deixar cozinhar por 15 minutos ou até que as salsichas fiquem cozidas.
e) Ajustar o sal e a quantidade de molho. Caso necessário, adicionar mais água.
f) Cortar o pão ao meio no comprimento. Colocar no meio e sobre o pão, uma salshicha e um pouco do molho sobre ele.
g) Servir quente.

By Max Minato @MaxGastronomy.blogspot.com


Espero que tenham gostado e até a próxima receita!! Um grande abraço a todos.



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...




Gelatina Colorida da Tia Yoko (Um Tributo)


Como prometido, hoje estou postando um novo design para uma receita muito antiga que a minha falecida Tia Yoko fazia... Eu decidi fazer, como sugerido por meu primo Victor Odate, uma homenagem a ela.

Lembro até hoje, quando criança eu ia para a fazenda de minha avó onde minha tia morava... As férias lá eram muito legais, de manhã se tomava aquele café da manhã com leite de vaca recém ordenhada, aquele pãozinho de batata, queijo coalho e as diversas receitas que ela fazia! Era o paraíso de qualquer criança de 5-7 anos!! hehehe

Ela era uma cozinheira de mão cheia, fazia de tudo um pouco e tudo que ela fazia era perfeito, no sabor, na apresentação e até hoje não consigo entender como ela conseguia fazer tanta coisa boa em tão pouco tempo... Era incrível mesmo!! rs Adora as sobremesas dela, foi com ela que comi o primeiro manjar de coco, o primeiro yogurt natural de morango (Mmmm Nesquik de morango! rsrs), os primeiros biscoitos amanteigados e, o principal, a gelatina colorida... um pecado infernal em cores e sabores indescritíveis para um paladar de uma criança!! hehehe

Bom, já imagino que vocês já estão de boca cheia d'água... Eu também! E vamos que vamos...

Tempo de Preparação
Tempo de Cozimento
Tempo Total
Dificuldade (0~10)
Rendimento & Custo
40 min
10 min
50 min
3
10 porções
$
Gelatina Colorida da Tia Yoko (Um Tributo)
INGREDIENTES
1/2 pacote (Aprox. 15g) de Gelatina em pó (Sabor Morango)
1/2 pacote (Aprox. 15g) de Gelatina em pó (Sabor Limão)
1/2 pacote (Aprox. 15g) de Gelatina em pó (Sabor Abacaxi)
1/2 pacote (Aprox. 15g) de Gelatina em pó (Sabor Amora)
1/2 pacote (Aprox. 15g) de Gelatina em pó (Sabor Cereja)
100 gramas de Leite Condensado
300 mL de Água Gelada
600 mL de Água Quente
MODO DE PREPARO
a) Em uma panela, ferver a água e manter aquecido em fogo baixo.
b) Em uma tigela, adicionar a gelatina de limão e dissolver com 100 mL de água quente. Após isso adicionar 50 mL de água gelada.
c) Adicionar na forma desejada, a metade da quantidade da gelatina recem preparada. Levar ao congelador por 3 a 5 minutos para que a gelatina hidrate e endureça um pouco.
d) Adicionar ao restante da gelatina recem preparada aproximadamente 20 gramas de Leite condensado. Dissolver bem. E adicionar na forma sobre a camada já existente. Levar ao congelador novamente por 3 a 5 minutos.
e) Repetir o mesmo processo para a Gelatina em pó sabor Abacaxi, Amora, Cereja e Morango.
f) Deixar na geladeira, até a hora de consumir. E servir bem gelado. Opcionalmente, pode-se cobrir com um pouco mais de leite condensando.

By Max Minato @MaxGastronomy.blogspot.com

Espero que tenham gostado... E até a próxima!! Um Abração.


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...




Arroz Doce Especial


Olá meus amigos!! Para aproveitar esse fim de semana curtindo a nostalgia das festinhas juninas, julinas e agostinas... (daqui a pouco vem as setembrinas hehehe) E continuar as comilanças e dar aquelas desculpa que ainda está em clima de festinha junina... Trago um doce clássico dessa "bagunçalhada" (bagunça + palhaçada no sentido de brincadeiras!! rsrs), o Arroz Doce!! Mmmmm

Quem nunca comeu um Arroz Doce, nunca deve ter tido infância!! É um doce delicioso, cremoso, suave e bem simples... Eu em particular adoro muito o Arroz Doce em qualquer época do ano e tento fazer sempre que tenho um restinho de arroz do dia anterior para me deleitar durante a sobremesa da janta rsrs

E aí?? Já estão com água na boca?? Espero que sim... porque lá vem a receitinha marota.

### INGREDIENTES
  • 1 (um) litro de Leite Integral
  • 1 (uma) lata de Leite Condensado (200g)
  • 1-1/2 (uma e meia) xícaras de Arroz Branco Cru.
  • 2 (duas) xícaras de Açúcar
  • 5 (cinco) unidades de Cravo da India (apróximadamente 5g)
  • Água
  • Canela em pó
### MODO DE PREPARO
a) Lavar bem o arroz, cozinhar o arroz cobrindo o arroz com água, metade do leite e os cravos.
b) Após o arroz estar cozido, em fogo baixo, adicionar o restante do leite, o leite condensado e o açúcar.
c) Deixar ferver e sempre ficar misturando lentamente sem amassar muito para não queimar o fundo.
d) Reduzir o volume até o arroz estar bem cremoso. Desligar o fogo e deixar resfriar até temperatura ambiente.
e) Levar para resfriar na geladeira por 2h.
f) Servir gelado e polvilhado com canela em pó a gosto.

Rendimento : Serve 10 porções.

Bom, espero que vocês tenham gostado desta receita!! E até a próxima! Um Abração.


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...




Salmão ao Ghee com Crosta de Ervas


Olá meus caros amigos!! Hoje mais uma receita especial de Salmão... Só desculpem por não ter postado mais rápido mais eu tive esse atrasado porque ainda não havia terminado de escrever o post sobre o Ghee... Mas hoje consegui!! Yeyyyy!! rs

E vamos lá para o que interessa!! Essa receita é uma mistura de sabores leves com o foco no Salmão e nas ervas aromáticas... Aliado ao sabor único e saboroso do Ghee que dá um toque aveludado e amendoado... Em suma, fica fabuloso!! hehe

Vamos por mãos a obra então!!

### INGREDIENTES
  • 1 (uma) colher de chá de Orégano desidratado
  • 1 (um) ramo de Coentro Verde
  • 2 (duas) posta de Salmão cortado logitudinalmente
  • 2 (duas) colheres de sopa de Salsa desidratada
  • 3 (três) dentes de Alho cortado em lascas finas
  • 40 (quarenta) mL de Ghee (Ver Receita No. 174 - Ghee)
  • Pimenta do Reino moído
  • Sal
  • Óleo de Soja para fritar
### MODO DE PREPARO
a) Em um prato raso, deixar marinando as postas de salmão com o alho, uma pitada de sal e pimenta por no mínimo 30 minutos.
b) Em um prato raso, misturar o coentro finamente picado, a salsa e o orégano. Reservar.
c) Em uma frigideira, filetar um pouco de óleo de soja e fritar cada salmão por 3 minutos.
d) Com a ajudar de uma espátula, retirar cada salmão da frigideira e passar sobre a mistura de ervas de forma a cobrir a parte de cima e de baixo.
e) Fritar por mais 5 minutos cada lado. Reservar.
f) Utilizando a mesma frigideira, reduzir os liquidos do marinado e adicionar o Ghee para forma um caldo reduzido.
g) Servir cada salmão com um pouco do caldo reduzido.

Rendimento : 2 porções

Bom... Espero que tenham gostado de mais uma receita de Salmão!! E até a próxima!! Um Abração.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...




Doce de Leite Branco com Creme de Avelã


Olá formiguinhas de plantão!! Como podem ver estou postando uma receita de sobremesa de colher!! Aquela que a cada colher você faz Mmmmmm!! hehehe

A sobremesa é bem simples e muito gostosa... É um brigadeiro branco com uma coberturinha de Creme de Avelã... Um pecado de delicioso!! rsrs

### INGREDIENTES

  • 2 (duas) colheres de Sopa de Doce de Leite branco
  • 3 (três) colheres de Sopa de Creme de Avelã

### MONTAGEM
a) Colocar em um prato ou copo o doce de leite e cobrir com o creme de avelã.
b) Servir bem gelado.

Rendimento : 1 porção

Espero que tenham gostado desta receita... E até a próxima!! Um Abração.




Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...




Parafuso ao Frango e Bacon Defumado


Olá meus caros leitores, hoje estou postando uma receita rápida e bem deliciosa para aproveitar aquele franguinho do dia anterior... rsrs

Hoje em dia, não devemos desperdiçar nada e principalmente, algo que possa servir para fazer aquela massa salvadora da fome!

A receita é bem simples mesmo e usa uma combinação de sabores bem conhecida que é a do Frango e Bacon... Ohhhh duplinha esperta essa sÔOooo!! Eu não sei quanto a vocês mas não gosto muito de peito de frango porque acho uma parte do frango um tanto sem graça e se não for bem feita, fica horrível de seca e sem sabor... mas nada como aquele Bacon Defumado que faça o peito ficar fabuloso! rsrs

Bom, vamos deixar de papo antes que essa receita rápida perca tempo! hehe

### INGREDIENTES
  • 2 (duas) colheres de sopa de Salsa desidratada
  • 2 (dois) dentes de Alho Picados
  • 3 (três) colheres de Sopa de Manteiga
  • 5 (cinco) colheres de Sopa de Ketchup ou Molho de Tomate
  • 100 (cem) gramas de Bacon Defumado
  • 200 (duzentas) gramas de Macarrão tipo Parafuso
  • 200 (duzentas) gramas de Peito de Frango desfiado ou sobras de frango.
  • Pimenta do Reino moído
  • Sal
  • Água para cozinhar
  • Óleo de Soja 
### MODO DE PREPARO 
a) Ferver 1 litro de água e adicionar um filete de óleo de soja. Quando estiver fervendo, adicionar o macarrão e deixar cozinhando até o ponto ao dente (Aprox. 5 minutos).
b) Enquanto isso, em uma panela refogar uma colher de manteiga e o alho até que o alho fique meio douradinho. OBS: Não usar fogo muito alto para não queimar a manteiga.
c) Adicionar o restante da manteiga, uma pitada de sal, pimenta a gosto. Deixar derreter e adicionar o ketchup, a salsa e 10 colheres de sopa da água da fervura da massa. Homogeneizar bem o molho.
d) Escorrer a massa e lavar 2 vezes. E juntar ao molho. Encorporar a massa e o molho em fogo baixo.
e) Servir quente.

Rendimento : Serve 2 pessoas.

Bom... Espero que tenham gostado desta receita para aproveitar a sobra daquele franguinho... E até a próxima!! Um Abração.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...




e também por email

Digite seu email a seguir :

Biblioteca de Receitas